Resenha: Não Pare! - FML Pepper

21:46




Título: Não Pare!
Título Original: Não Pare!
Série: Não Pare!
Autora: FML Pepper
Editora: Valentina
Número de Páginas: 2015
Ano de Publicação: 280
Nota: 9,5/10
Sinopse: Nina Scott não suportava mais a vida nômade e solitária que sua mãe, Stela, a obrigava a ter. Mudar de cidade ou de país a cada piscar de olhos, conviver com tantas perguntas que a consumiam, assombrada por mistérios de um passado guardado a sete chaves. Agora, aos 16 anos, a garota das estranhas pupilas verticais exigia respostas.
E, para sua péssima sorte, elas já estavam a caminho!
Quando Stela decide ficar em Nova York, Nina acredita que seu sonho de ter uma vida normal vai se tornar realidade. Finalmente terminará o ano letivo em um mesmo colégio, poderá fazer amigos sem ter que abandoná-los em seguida, viver um grande amor, amadurecer, criar raízes... Enfim, curtir a adolescência.
Mas o “normal” está muito longe da vida de Nina!
Perdida no olho de um furacão de mortes e inexplicáveis acidentes, tendo que esconder os terríveis fatos da mãe paranoica, Nina começa a desconfiar da própria sanidade mental, de tudo e de todos. O que explicaria os paralisantes calafrios, a perda de visão e de memória que experimentava sempre que alguém morria ao seu redor? O que ela teria a ver com os bizarros e sobrenaturais acontecimentos? Estariam eles interligados?
Seria a Morte sua companheira para toda a vida? É chegada a hora da verdade.
Nem tudo é o que parece ser. Perigo. A vida depende da Morte. Sedução. Não há onde se esconder. Medo. Olhos de um fascinante azul-turquesa espreitam. Paixão. Uma nova dimensão será aberta. Suspense. Cenários deslumbrantes e passagens infernais. Ação.
É de tirar o fôlego.
Viva este quebra-cabeça...enquanto você pode.

_______________________________________


É possível a Morte aprender a amar? É possível amar a própria Morte?
Estas são algumas dentre várias perguntas que fiz apenas lendo a sinopse do livro, mas já vou logo adiantando que todas as suas perguntas imagináveis são respondidas e algumas vezes você poderá ser surpreendida com as respostas que não esperava. Mas agora vamos ao que interessa, passo a vez da resposta para Nina.
Nina Scott é uma menina que em menos de um mês fará dezessete anos e que nunca conseguiu ter uma vida normal. Ela têm uma série de histórias diferentes para contar sobre todos os lugares em que morou, ou seja, praticamente o mundo inteiro, mas tudo se transformou quando ela passou a pensar que suas estadias contadas não tinha absolutamente nenhum nexo com o emprego de sua mãe e sim de sua falta de sorte que sempre a levava a sua quase morte.
Stela é uma mãe presente que desde o nascimento de Nina se sacrificou para protegê-la de algo que Nina não tinha conhecimento. Se especializou e estudou sobre a formação de lentes de contato, era praticamente PHD nesta área por conta dos olhos diferentes de Nina ー suas pupilas se assemelham a de um gato, repare na capa do livro, que ela fazia questão de protegê-los do mundo através do seu trabalho. Além de ser uma mulher de poucas palavras, sempre amou a filha e a zelou de forma exagerada desde o seu nascimento e sempre se limitou e encerrou diversas conversas e conflitos com sua filha extremamente curiosa como qualquer adolescente há: Na hora certa você saberá.
Contudo, assim que se mudam para Nova York, a mãe dela decide ficar permanentemente na cidade e a protagonista tem a chance de começar uma vida normal.

Ela está novamente em uma nova escola, faz uma amiga, Melly, e consegue um emprego numa livraria muito prestigiada da cidade. Na escola, acaba conhecendo o romântico Kevin, que fica encantado por Nina, e também o terrível e grosso Richard, que possui uma aparência sombria, mas que encanta qualquer garota. Nina irá se deparar com Kevin e Richard nos consecutivos dias na escola, Kevin é todo atencioso, romântico e faz de tudo para chamar a atenção de Nina, enquanto Richard a irrita profundamente e sempre arrumam uma forma de provocarem um ao outro de diferentes formas possíveis, mas nem ela, nem nenhum outra menina, conseguiria resistir aquele lindos par de olhos azul-turquesa por muito tempo.
Como se isso não bastasse, a garota parece ser uma espécie de sensitiva — não muito raro sente calafrios e tonturas incontroláveis, perdendo todos os sentidos, e, logo em seguida, um acidente quase fatal sempre lhe acontece, o que ela pensa ser fruto de uma “maré de azar” que sempre a acompanhou. Com todas essas felizes e infelizes distrações, Nina acaba perdendo o foco do perigo que corre. E acaba descobrindo alguns mistérios que estão acontecendo em sua vida, na maioria das vezes de uma forma bastante cruel. Nestas horas Nina terá que ser mais forte que nunca, já que, pelo que descobre, faz parte de um paralelo entre duas dimensões. Então, tudo o que lhe era estranho antes, passa a fazer todo o sentido.
narração ocorre em primeira pessoa, pela protagonista Nina. É a melhor forma para acompanhar o desenrolo do enredo, pois ele gira em torno da personagem e mostra o correr dos fatos através dela: de suas atitudes, de sua percepção sobre tudo o que descobre — e é junto com ela que nós acabamos descobrindo tudo e nos adaptando também. 

Foi simplesmente incrível o modo como o enredo foi formado, como a autora conseguiu mudar de estado a todo o momento, e com tanta naturalidade. No início, a história caminhava devagar, sem grandes surpresas, apenas deixava o mistério no ar. A partir das primeiras 100 páginas, tudo mudou: a ação se tornou constante, intercalando de vez em quando com alguns momentos de suspense, romance e um pouco de tristeza.

Os personagens, por sua vez, deixaram alguns pontos em aberto. Mas nada que a própria autora não consiga contornar ao longo de sua trilogia. E finalizando a história FML nos deixa com um gostinho de "quero mais", criando uma leitura rápida, gostosa e de tirar o fôlego a cada nova cena de ação surpreendente. Enquanto lia, lembro-me de ter comentado com algumas pessoas que esse livro em minha cabeça mais se parecia um filme que eu não queria que tivesse fim.
A capa como sempre, maravilhosa, diferente da original da Amazon mas de forma que ao meu ver seja melhor. As três capas mostram a protagonista ー inclusive dando destaque em seus olhos zirquianos.
Uma das mensagens que o livro passa é: Quando a vida for injusta, não tenha medo, medo de lutar, medo de viver. Algum dia sempre nos encontraremos pra baixo, no chão. Mas haverá outros em que o céu não será mais o limite para nada. Lembra-nos que enquanto formos justos e leais, teremos a chance de sermos pessoas melhores e mais abertas as novas perspectivas.
Não posso esquecer de confirmar, o que acho que todos vocês já devem ter entendido que sim eu RECOMENDO esta leitura, assim como o restante da trilogia que logo mais estará aqui para vocês!

_______________________________________


O que acharam da resenha meus amores? Alguma fala sobre o livro? Já leram?

Beijinhos e até a próxima!

Posts Relacionados

0 Respostas

Tecnologia do Blogger.

Se inscreva na Newsletter

Curta-nos no Facebook