Minha menina

21:53


24 de maio                                                                                   
Para: Minha menina 

Por que meu amor, por quê? Não entendo, sinceramente não te entendo. Por que jogou um ano inteiro fora? Por que roubou meu coração para jogá-lo no seu caldeirão de corações partidos?
Você sabia, ah, como sabia, o quanto eu te amava, o quanto lutei por você, o quanto segurei minhas lágrimas para cessar as suas. Eu preciso, preciso das suas lágrimas novamente, do seu sorriso, do toque, do cheiro, do teu ser, preciso...
Amor, eu sei que os motivos são enormes, que suas dores são fortes, que minhas chances são escassas, que nossos sonhos são parecidos, que somos bons amigos, que você é uma garota exemplar, então por favor, volte para ficar...
Eu te amo e mais que tudo, não quero te forçar, nunca quis te prejudicar, nunca quis ser um problema pra você mas preciso que entenda o meu lado querida, eu não sou o melhor pra você, eu sei disso, mas eu tentei, me desgastei para conquistar esse coração peludo e mesmo assim não consegui dar valor ao que eu tinha com você. Sei que não tirei boas notas na escola, que não estudei e pensei de mais em você, que não te escutei, que te perdi, mas quero mudar, acredita nesse menino que não sabe viver sem te amar.
Confesso que deixei de te ouvir, parei de me interessar pelos seus pensamentos e deixei que se afastasse de mim, porém nunca imaginei que chegaria a isso, você é minha, sempre foi e sempre será. E tudo que nós compartilhamos? Tudo que eu te dei? Todos os meus segredos que só pra você tive coragem de contar, o meu dia a dia que só com você pretendo compartilhar. Morena eu te amo, deixa eu te amar...
Por anos pedi a Deus para tirar você dos meus sonhos e ser minha realidade e ele por milagre me atendeu, não dei valor, te culpei de tudo que por mim começou, briguei por coisas inúteis, te xinguei de coisas que você nunca foi, não dei valor ao seu esforço, não imaginava que você podia me amar e por fim, demonstrar. Mas você tentou, Deus, como você tentou e eu não reparei em nada, não demonstrei nada, não agradeci, não me emocionei, não te abracei, não te beijei, não falei, não me desfiz por você, realmente eu perdi um amor desses por bobagem, pelo que eu não conseguia ver.
Sempre te considerei uma deusa, uma fria e inteligente deusa, tive muito orgulho de você, apenas das coisas grandes que você conquistou, várias coisas mínimas eu deixava passar e era por elas que você queria me ver orgulhar, desculpa. A frase "só damos valor quando perde" é verdade, repassei nossa história pela cabeça e reparei em coisas que no momento em que ocorreu eu não vi, não falei, e percebi, não sou o cara certo pra você. Eu te amo minha menina, quero você de volta e vou lutar por você, vou te observar, te amar, tentar te reconquistar, mas não creio que irei mudar drasticamente de uma hora para outra, do dia pra noite ou até o final do mês, isso vai demorar, preciso de sua paciência e isso é pedir de mais por quem a um ano teve por mim.
Sabendo que não irá ler estas palavras posso dizer que adorei desabafar com você, que amei te conhecer e quero continuar te conhecendo, descobrindo cada detalhe e pedir aos anjos que nunca, nunca desista de nós.
Eu te amo muito.
Com amor,
Anônimo. 

Posts Relacionados

0 Respostas

Tecnologia do Blogger.

Se inscreva na Newsletter

Curta-nos no Facebook