Livro vs Filme: Convergente

21:10



Hello amores, como vocês estão?

Sabendo que, este mês o assunto que mais comentei foi a série Divergente, este post não poderia ser diferente. Talvez até tenham se enjoado de mim por sempre comentar sobre esse assunto, mas, como eu amo muito essa série e percebi que o filme se encaixava perfeitamente no meu quadro de posts, resolvi então, adiantar algumas coisas, como esse livro vs filme. Repetindo o que eu disse na minha resenha do filme Convergente, assisti o filme no dia 12/03 então ele ainda está bem fresquinho na minha memória para contar pra vocês. Se caso não tenha lido o livro ou visto o filme, não leia, conterá muitos spoilers. Vem conferir!



Livro:

Titulo Nacional: Convergente
Titulo Original: AllegiantAutor(es): Veronica RothEditora: Rocco 
Ano: 2014
Série: Divergente
Volume: 03
Número de páginas: 528
Nota: 9,5
Filme:Título original: The Divergent Série: AllegiantFilme anterior: Allegiant
Diretor: Robert Schwentke
Ano: 2016
Minutos:119
Elenco: Shailene Woodley, Theo James, Ansel Elgort, Miles Teller, Kate Winslet, Naomi Watts, Octavia Spencer, Jeff Daniels, Bill Skarsgard etc... Nota: 7,5
Sinopse: Insurgente - Na Chicago futurista criada por Veronica Roth em Divergente, as facções estão desmoronando. E Beatrice Prior tem que arcar com as consequências de suas escolhas. Em Insurgente, a jovem Tris tenta salvar aqueles que ama - e a própria vida – enquanto lida com questões como mágoa e perdão, identidade e lealdade, política e amor. 
Trailer:


Tris, após ser ajudada por Marcus, invadir a sede da Erudição e expor o vídeo que estava sob poder da Abnegação, roubado e mantido longe do conhecimento de todos por Jeanine Mathews, vai parar na prisão comandada agora pelos sem-facção, sob ordens de Evelyn Eaton, mãe de Tobias, junto com alguns de seus amigos. Seu julgamento será sob efeito do soro da verdade, ao qual Tris também consegue resistir. Ao invadir a Erudição e assumir o poder, Evelyn e os sem-facção apenas impuseram uma nova vida a todos e como era de se esperar nem todos gostam dela. Assim, surgem os Leais, um grupo rebelde que deseja acima de tudo: retomar o governo e manter as facções;
Então Tris, Tobias, Christina, Cara, Caleb e mais alguns outros membros dessa comunidade atravessam a cerca, então eles encontram muito mais do que as respostas que queriam. Encontram a verdade que não queriam. E precisam lutar para mudá-la.




* O filme começa com Edith Prior repetindo o que havia dito no final de Insurgente, ou seja, a mensagem que havia dentro da "caixa preta."


* Tris está com uma postura mais velha, trazendo a sua personagem uma força que não conseguimos ver de imediato no livro.




* Peter: Ganha um papel de maior abordagem diante do livro e do filme, porém de jeitos diferentes: no filme, ele tenta ao máximo se mostrar para David para provar que merece um cargo de trabalho melhor do que havia recebido, com isso, ele tem de voltar a Chicago e convencer Evelyn de que precisa apagar a memória de todos os Leais para não haverem mais problemas com o governo. No livro, mesmo se mantendo mais quieto ele sempre se mantém ativo, sabendo de todos os botados da cidade, se relacionando com Cableb para criarem o grupo " Odiados pela Tris", se oferecendo em todos os eventos dos personagens principais e por fim, disposto a apagar sua própria memória para se tornar alguém melhor do que ele agora.


* A perda de memória de Marcus: No livro (se me recordo bem) a memória dele se mantém intacta e Quatro dá a escolha para Evelyn, ou seja, perder ou não perder a memória, se tornar ou não sua verdadeira mãe, escolher o governo ou o filho. E como era de se esperar ela escolhe o filho, pois mãe é mãe. No filme, esta cena acontece, após Peter voltar a Chicago e incentivar Evelyn a usar o soro memória ela tende a querer experimentar ele em Marcus para comprovar que ele funciona. Esta é a unica parte onde Marcus aparece durante o trama, uma cena de quebrar o coração, por vermos os sentimentos do homem severo que batia em uma pobre criança, seu filho, na abnegação.  




* Relação abalada de Tris e Tobias: No livro, realmente acontece um grande terremoto no relacionamento dos dois, acabam dando um tempo e por fim voltando, antes da morte de Tris (que não aconteceu ainda). Tris sente muita raiva de Quatro por ele não tê-la ouvido sobre Mika e por isso acabar ferindo tanto Uriah que por fim, também falece. No filme, a primeira rebelião dos danificados contra o Departamento, não acontece e Uriah também não aparece, então não existe quase término, quase raiva, nem " você não me escutou", como desta vez quem esteve errada foi Tris em confiar em David mais do que em Quatro.


* Metade da frase: Finalmente a tão esperada frase foi colocado no enredo, de forma inesperada e cortada (isso me deu muita raiva). -(Tobias) Eu queria que estivéssemos sozinhos...




* Danificados: A classe mais baixa, o grupo de pessoas que contém os cargos mais baixos no Departamento, que "sofrem bullying", os incomodados e bárbaros da sociedade. Ex: Tobias, Christina, Peter, Cabelb, Cara, Mika, Peter, etc...


* Puros: Pessoas importantes do Departamento que tem acesso a todas as portas, reuniões e lugares. Pessoas com DNA puros, onde todo o experimento já foram concluídos. Ex: Tris, David, etc...




* Participações em Chicago: Quem diria que veríamos o Líder da Franqueza se aliando a Evelyn, uma sem-facção e que veríamos uma das líderes da Amizade junto a eles diante a uma execução? No livro isso não acontece, o líder da Franqueza não é nem mencionado só para terem uma noção de como o filme alterou os fatos.


* Julgamentos dos comparsas de Jeanine: Todas as pessoas que tiveram algum envolvimento com a ex-líder de Chicago, acaba por fim recebendo a mesma punição que a própria Jeanine, a morte. No livro, a primeiro momento não mostra com tantos detalhes sobre o final dos personagens aliados a Jeanine, pois o principal foco nessa hora era apenas o Caleb. Mas mesmo assim, através do enredo e dos seus modos tanto no livro, assim como no filme, mostravam severamente que seria a mesma punição.





*Banho: (talvez vocês estejam se perguntando o motivo...) Para quem já leu o livro e assim como eu, correu para ver o filme, sabe que a parte do banho assim quando os personagens chegam ao Departamento é mentira. Ainda por cima, inconveniente e desnecessário para o enrendo e estranho, devemos concordar. Um banho de "geleia" laranja que te sufoca e serve para te desinfectar dos vírus, qual a necessidade?  


* Sala de árvores genealógicas: No livro, existe uma sala contendo todas as árvores desde os primeiros aos últimos moradores de Chicago, onde Quatro ia se refugiar em seus momentos de tristeza.




* Personagens em falta : Amah, Zake, mãe de Zake, irmão de Tori, Cara, etc...


* Uriah: Ele deveria ter participado e ganhado mais ênfase no filme, mas não foi dessa vez (como sempre). Em Convergente ele apareceria para acompanhar o grupo que iria atravessar o muro, ele acabaria sofrendo um acidente, assim, entraria em coma e Quatro e Tris terminariam o romance e depois se juntariam para trazer o irmão e a mãe de Uriah para a despedida, pois os médicos desligariam seus equipamentos.




* Resgate de Tobias: Depois de sua volta a Chicago, sua mãe acaba por prendê-lo e enquanto isso 
Evelyn estava tramando soltar em Chicago o gás que apagaria a memória dos seus cidadãos. Assim que Tris descobre onde Quatro está ela e Christina vão ao resgate de Tobias, onde usam o carro voador invisível para poderem entrar sem serem reconhecidos. Desta forma, Tris acaba aprendendo como usar as armas do departamento e a como deixar seus inimigos fazendo xixi nas calças.





* Me diga alguém que imaginou o Matthew como sendo esse garoto (lindooo), com esses olhos maravilhosos?


Matthew não recebe o devido valor que deveria, como nos livros, ele é um dos personagens mais importantes e confiáveis com que Tris pode contar enquanto está com raiva de Quatro. Espero que no próximo filme mudem isso.


* Ocorre uma cena, onde Matthew ajuda Tobias a fugir da morte e isto gera uma involuntária briga, onde eles estão dentro de um carro voador em um movimento continuo em direção ao chão, onde nenhum dos dois sabem pilotá-lo (e Tobias mata os pilotos), e ainda, depois da queda estão vivos e com poucos arranhões e nesta cena os dois se separam para mandar mensagens diferentes para os seus diferentes lideres. 





* Quem diria que Evelyn finalmente demonstraria não ter um coração de pedra em relação a Tobias, (finalmente escutamos a palavra 'filho' vindo dela sem ter alguma amargura em sua voz) além de já nomeá-lo como sendo seu sucessor ao "trono" na nova Chicago.


*Com uma postura mais rígida, Evelyn não se parece mais como irmã de Quatro e sim impondo-se como uma verdadeira mãe, cuidando e brigando com Tobias, além de, se mostrar sentimentalista quando o soro da memória começa a ser distribuído pela cidade.




*Chuva de sangue: Talvez vocês achem o título disso estranho, mas não sabia mais qual nome escolher para aquela chuva vermelha de "radiação" que não causa nenhum sintomas a eles. Mesmo não havendo relatos no livro, achei essa parte interessante pelo simples fato de ser algo bastante desnecessário para o filme, e também porque me lembrou da chuva de sangue ocorrida no filme Em Chamas.




* A mensagem de Tris: Como vimos em praticamente todos os filmes dessa série, o começo e o final sempre envolve uma mensagem para solucionar ou explicar tais confusões, desta vez não pode ser diferentes. Porém, desta vez foi a mensagem de Tris explicando de sua maneira o que a cidade que vai além do muro a proporcionou, explicou de maneira breve o que eram os danificados e os puros, brevemente a igualdade entre os divergentes.


 Explosão: Enquanto a mensagem era pronunciada Caleb fez do carro voador de David uma bomba para destruir toda a barreira transparente que envolvia o Departamento, assim, eles achavam que teriam acabado com o problema. Mas sabendo que ano que vem haverá outro filme, deve significar que o felizes para sempre está um pouco longe de chegar... 


* Após a queda do muro invisível do Departamento nos deparamos com o último segundo do filme, que seria, David ainda tendo acesso a todas as câmaras da cidade e observando Tris com uma cara vingativa, o que será que podemos esperar no ano que vem?




* David é muito mais severo, rigoroso e manipulador do que no livro. Mostrando-se ser um homem habilidoso com suas palavras, extremamente sábio, porém é muito mais nojento (não gosta de chegar perto dos danificados).


* Pelas 3 vezes que li convergente, imaginava que David teria 40 anos no máximo, mas. no filme ele faz um papel para representar alguém mais velho que o imaginado.




* Morte de Tori: No filme ela morre enquanto está comemorando junto a Tris que havia conseguido ficar por cima da cerca e essa era uma vitória que vários deles achavam ser impossíveis. Já no livro, ela morre também por um tiro, também em frente a Tris, mas a diferença está no lugar e na hora onde isso acontece. Tori falece no livro durante um tiroteio entre os sem-facção e os Leis, nas fazendas da amizade que ficam do lado de fora da cerca e a noite.


* Reação de Tris a morte de Tori: No livro, ela fica espantada, desesperada e só quer atirar no monstro que matou sua amiga, já o filme, ela não demonstra qualquer reação que dure uma longa faixa de tempo, onde nem uma lágrima saiu daqueles olhos e bastou Quatro tirá-la de perto de Tori para ela acalmar e parar de "sofrer".





* O trabalho dentro do departamento: Assim que os danificados chegam ao Departamento eles são obrigados a participar de algum tipo de trabalho voluntário, assim 
Christina e Tobias participam da audácia do Departamento e Caleb junto a Peter estando eles vigiando Chicago pelo Casulo.

* Sala das câmeras: casulo: Ao contrário do livro, onde a sala era ampla e sem compartimentos, onde todos poderiam assistir pela tela grande ou a individual, no filme eram várias salinhas ocupadas por uma cadeira e uma tela enorme, que quando ligada e ativada para alguma área, parecia que você estava mesmo naquele local, porém não estava, era um efeito 10D (onde você sente tudo, vê tudo, mas ainda sim, não está lá).




* No livro, vemos que Tris recebe um computador mais parecido com um tablet onde estaria os escritos, cartas, que sua mãe havia mandado para David. Já no filme, vemos que esta cena acaba por ser bastante alterada. Vemos que, logo na primeira conversa de Tris com David, ele já entrega uma caixa preta pequena onde se encontra uma foto de Natalie Prior criança e outra já adulta e embaixo dessa foto encontram-se dois círculos em forma de lentes para que Tris coloque em suas Têmporas e veja tudo pelos olhos da sua mãe, como ela foi pega da margem, como foi reeducada e sua última conversa com David antes de se voluntariar para entrar no experimento de Chicago. Ela não se emociona diante do que viu e não comenta nada a Caleb, porém, com o prosseguimento do filme percebemos que todas aquelas imagens que Tris pode ver eram falsas, pois ele as havia criado.




* Relação entre Tris e Caleb: Acho que não preciso nem comentar a respeito disso, em todos os outros dois filmes, quando a Tris deveria ter ódio de seu irmão ela apenas o desculpa, e nesse não podia ser tão diferente assim, o que posso dizer, os produtores erraram feio nesse quesito. Mesmo que a raiva de Tris seja representada em Convergente, vemos que ela é de certa forma passageira, pois antes do final do filme eles só faltam fazer tranças do cabelo um do outro, já no livro somente nos últimos capítulos antes de sua morte, que ela demonstra ter perdoado o irmão e dado a vida por ele.




* A "segunda cidade": durante uma parte do filme vemos Tris entrar em uma nova cidade onde faria uma reunião mostrando que todos os distritos, assim como Chicago, teria chances de haver alguns 100% divergentes ou 100% puros e não danificados. Mas, no desenrolar dos acontecimentos Tris acaba descobrindo o real motivo de David tê-la levado a reunião do Departamento, que era um aumento de salário, dentre outras coisas... Lembrando-se que não existe esse assunto mencionado no livro.




* Qual a necessidade de criar uma 'cidade do futuro' onde você voa em uma bolha grudada a um "avião" ( para mim é um carro voador) ?? Não se iluda achando que isso é verdade e está no livro, pois não está.


* Ainda falando da bolha, como Quatro fica em uma bolha a mais de 5 mil pés de altura e ainda se mantém firme, sorrindo? (claro que aquele sorriso é lindo, mas...) Lembrando-se que esse é um dos seus 4 medos;




* Logo na entrada do Departamento, diante da parede invisível, vemos dronis sobressaindo por cima dos nossos atores. Neste momento é que nos deparamos com as estranhas bolhas sendo formadas, mas este não é o único objetivo deles. Podendo também atuar como, equipamento de proteção anti-balas, detector de alvo, os olhos em todos os lugares e quem sabe um amiguinho de estimação, não é mesmo? As armas encontradas no Departamento, armas de fogo, são várias vezes mais avançadas do que quaisquer arma que havíamos visto a Audácia portar.


* No que as armas e os dronis ajudaram: Em basicamente tudo, sem essas armas avançadas Tris não conseguiria resgatar o Tobias, Quatro não iria fazer parte do trabalho audaciano no Departamento, tendo que passar por um teste e nem Tris conseguiria desestabilizar o soro da memória em Chicago.


Quatro (Theo James) também aparece sem roupa no novo trailer de "A Série Divergente: Convergente"


* Ciumes de Tobias: pela primeira vez pude ver Theo se esforçando para se transformar em um Quatro (Tobias) sentimentalista e furioso com Matthew por sempre atrapalhar seu momento a sós com Tris.


* Ida a margem: No livro, Tris, Caleb, Quatro, Christina, Uriah, Cara, Peter e Tori estão em carros indo em direção as fazendas da amizade que situam-se depois da cerca para assim encontrarem a cidade que há além do muro. Mas durante isso, acontece uma guerra armada entre os sem-facção e os nossos queridinhos, em contra partida, Tori acaba sendo assassinada diante de Tris e quase acaba como ela, se não tivesse atirado no assassino primeiro diante da escuridão. No filme, Christina, Tris, Quatro, Peter, Caleb e Tori estão diante do muro enquanto um carro cheio de pessoas sem-facção armados estão rondando a sua procura, quando este carro está distante eles correm até chegar ao muro onde eles acionam o gancho dos seus cintos que agarram a parte de metal do muro assim seria uma escalada mais rápida para contorna-la. Chegando ao topo Christina tem que cortar a fiação para conseguirem escalar para o outro lado, mas ela leva um choque, e assim, eles acabam descobrindo que Evelyn havia realmente feito de tudo para conseguir prendê-los dentro de Chicago, assim, Tris, volta e ativa uma bomba no carro de energia que sustentava a cerca, e nessa vários sem facções armados estão atrás deles, mas como sempre, no último segundo todos se safam, as fiações são cortadas e por fim Tori por se encontrar na beirada do muro acaba levando um tiro nas costas.


* Volta de Tobias a Chicago: Sim, ele realmente volta para Chicago por vontade própria. Depois de ter se separado de Matthew ele caminha até sua cidade natal, para informar a Evelyn dos perigos que envolviam se aliar ao Departamento e pedir que ela faça as pazes com os Leais. (deixo o suspense por conta de quem não viu o filme) 



Sobre a história: senti um amadurecimento dos personagens no desenvolver dos acontecimentos. Tris deixa de ser uma adolescente mimada, e consegue enxergar mais do seu namorado, do que ele sente por ela e como ela se sente com relação a isso. Isso se deve, especialmente, pela sua experiência de quase morte na Erudição, mas também pelo fato de observar e escutar mais o que falam para ela. No livro, Tobias tem uma participação muito maior e mais importante, e sendo um fato, não era de se esperar que aconteceria a mesma coisa no filme. É muito interessante ver que o Quatro está mais forte e decidido, e menos impulsivo e ingênuo do que parecia (mesmo tendo lá suas recaídas). Não que ele deixe de ser forte, mas confia demais nas pessoas erradas. 

É interessante também ver seu ponto de vista sobre a própria Tris, como se sente em relação a ela, suas ações e opiniões e o que sente por ela. Enfim, caso você tenha gostado do post deixe seu comentário aqui em baixo, opiniões, detalhes que não foram citados, temas para próximos posts, estarei aqui para responder a vocês. Beijocas e até a próxima. 

Posts Relacionados

0 Respostas

Tecnologia do Blogger.

Se inscreva na Newsletter

Curta-nos no Facebook